Início » Na batalha contra a ansiedade, descanse em Cristo

Na batalha contra a ansiedade, descanse em Cristo

O telefone toca e é mais uma cobrança do chefe por resultados. Do outro lado, você vê uma pilha de pratos se amontoar na pia. Um suspiro forte é dado enquanto você tenta preparar aquele estudo que trará para o grupo de jovens da igreja.

Parece um retrato do seu dia? Se sim, então assim como eu você deve ter sentido exaustão em algum momento de sua vida. São tantas atividades, metas e sonhos para tirar do papel. Tantas cobranças por resultados e por uma apresentação impecável. Mas quando poderemos sentir alívio nessa correria? Onde encontrar repouso nesse mundo repleto de caos?

Cristo carinhosamente responde:

Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

Aqui temos um maravilhoso esquema para se sentir tranquilo em meio as aflições do cotidiano.

  1. Precisamos ir até Cristo. O convite foi feito especialmente nessa passagem para quem está cansado e oprimido. O cansaço e a opressão deste mundo estão te paralisando? Estenda a sua mão e alcance em Cristo a força que precisa para continuar. Para tanto é necessário se aproximar dEle. E podemos fazer isso através da adoração, da leitura devocional, do estudo de sua palavra e da oração. O Senhor está pronto para nos ouvir e oferecer descanso ao nosso espírito.
  2. A segunda estratégia que Jesus nos mostra é que devemos aprender com ele. Nosso Senhor tinha total confiança em seu Pai e por isso não deixava que seus compromissos trouxessem qualquer prejuízo a sua maneira de tratar os outros. Ele era sempre amoroso e disposto a ajudar. Devemos pedir ao nosso Deus mansidão e humildade para encarar as atividades do dia-dia com disposição sem fechar a cara ou maldizer quem quer que seja. Então, lembre-se: somos embaixadores de Cristo e como tais nos convém ser canal de bênçãos até mesmo para aqueles que não dão valor ao nosso trabalho.
  3. Por fim, Cristo nos explica o porquê dessas duas soluções serem eficazes: seu jugo é suave e seu fardo em leve. Nele podemos encontrar repouso apesar das adversidades. E isso acontece porque meditar na sua Palavra mesmo que seja apenas refletindo mentalmente naquele versículo que você tanto gosta ou ajudando aqueles que não reconhecem seu esforço pode ser difícil, mas sem dúvidas produzirá paz e refrigério para alma.

Conclusão

Portanto, é certo que amanhã você poderá ter ainda um chefe pra dar satisfação sobre o relatório, pratos esperando para serem lavados e irmãos contando contigo.

Mas não se desespere. Cristo deseja te encher de tranquilidade em meio a tudo isso. Ele deseja te ensinar mais sobre humildade, mansidão e da paz que está além do nosso entendimento. Cristo quer trocar o teu duro fardo pelo dEle que é repleto de bondade, compreensão e amor.

Leve.

Marcações: