Estudante cria gráfico que mostra mais de 63 mil referências cruzadas na Bíblia

A Bíblia é uma coletânea de livros escritos em um período de 1600 anos e com cerca de 40 autores. Hoje, há quase 2 mil anos de sua conclusão, a Bíblia continua sendo o livro mais vendido do mundo e é de longe o livro mais vendido de toda a história. Possuindo versões completas ou parciais em pelo menos 4 mil idiomas. Mas, por ser uma coletânea de livros tão distintos, que tratam de história, poesia, palavras de sabedoria, profecia, entre outros gêneros literários, muitas vezes não é fácil perceber a conexão entre os relatos das Escrituras.

Mas a sua interligação é tão bem intrincada, que a ocorrência de conteúdos cruzados é um ponto bastante curioso e crucial para o seu estudo. Por exemplo, todos os livros do Antigo Testamento, com exceção de Ester, Eclesiastes e Cantares de Salomão são citados ou recebem referências no Novo Testamento. E Jesus Cristo citou ou fez referências a Gênesis, Êxodo, Levítico, Números, Deuteronômio, Salmos, Provérbios, 1 Reis, Isaías, Jeremias, Ezequiel, Daniel, Oséias, Amós, Jonas, Miquéias, Zacarias e Malaquias.

Foi por este motivo que, através da associação entre Chris Harrison, aluno do quinto ano de Ph.D. no Human-Computer Interaction Institute na Carnegie Mellon University e Ph.D na Microsoft Research, e Christoph Römhild, um pastor luterano, foi criada a Bible Cross-References, uma ferramenta online que dá uma visão panorâmica de mais de 63 mil referências textuais cruzadas dentro da mesma.

Römhild entrou em contato com Harrison já possuindo um trabalho considerável de visualização que descrevia um conjunto de dados e definia referências textuais encontradas na Bíblia. Juntos, buscaram uma solução elegante para processá-los e, com a evolução do projeto, uma visualização interativa que possibilitasse uma visão adequada dos dados, onde os usuários pudessem ampliar e podar as informações em níveis administráveis.

O gráfico de barras que corre ao longo da parte inferior da ilustração representa todos os capítulos da Bíblia, e o comprimento de cada barra indica o número de versículos de cada capítulo. Os livros na parte de baixo alternam de cor entre o branco e o cinza claro. E cada uma das 63.779 referências cruzadas encontradas na Bíblia é representada por um único arco enquanto suas cores correspondem à distância entre os dois capítulos, criando assim um efeito arco-íris.

Além disso, os pesquisadores também fizeram um gráfico com os nomes de pessoas e locais mais citados na Bíblia. e as relações entre eles. Cada vez que um nome era falado em relação a outro, uma linha foi criada entre eles, como pode ser visto abaixo:

Você pode acessar o material completo em inglês a partir desse link.


Deixe o seu comentário